Investir seu dinheiro é a forma mais inteligente de para atingir seus sonhos. Porém não é uma atividade simples. Cada investimento tem suas peculiaridades e para escolher a melhor opção é preciso conhecer como se comporta cada classe de ativo. Uma das modalidades de investimento mais seguras hoje em dia é o Tesouro Direto. Além da segurança, o Tesouro Direto apresenta rentabilidade melhor que a da poupança. Não está familiarizado com estes temos? Neste artigo iremos deixar tudo claro para você. Além disto, iremos apresentar o conceito de simulador de Tesouro Direto que é fundamental para você planejar seus investimentos ao longo do tempo.

Para atingir a tão sonhada independência financeira, a vida confortável que você sempre quis, não há outra alternativa senão poupar. Se você gasta tudo que recebe, não tem nenhuma reserva para o futuro, algum evento inesperado que demande uma grande quantia de dinheiro pode lhe deixar em apuros. Portanto, comece a economizar e poupar o quanto antes. Várias características devem ser observadas ao escolher um bom investimento. Basicamente, devem ser observados três aspectos principais:

  1. Liquidez;
  2. Segurança;
  3. Rentabilidade.

A liquidez diz respeito à capacidade que o investimento tem de converter-se em dinheiro. Quanto maior a liquidez, mais fácil e rápido você pode reaver seu dinheiro. Por sua vez, a segurança de um investimento reside no baixo risco de perdas. Nem todos os investimentos oferecem baixo risco, alguns são mais arriscados que outros. Por fim, a rentabilidade é a quantidade de dinheiro que a sua aplicação efetivamente renderá, após esgotado o prazo contratado e descontados os impostos.

Como é a Liquidez do Tesouro Direto?

Atendendo aos anseios dos investidores e agentes participantes, o Tesouro Direto implementou a recompra diária para os títulos públicos negociados nesse Programa. Com essa nova regra, você poderá vender os seus títulos para o Tesouro Nacional todos os dias, sem dor de cabeça, o que significa muito mais conveniência e flexibilidade para você. Por isto, dizemos que um investimento tem alta liquidez quando conseguimos resgatá-lo a qualquer momento, ou seja, tem liquidez diária, recebendo o dinheiro imediatamente ou em poucos dias. O Tesouro Direto é considerada uma aplicação financeira de alta liquidez, isto porque você pode retirar o dinheiro com rapidez. Por isto o Tesouro Direto é uma opção a ser considerada para guardar a sua reserva de emergência.

Para vender um título, basta acessar a área restrita ao investidor a partir das 18h, nos dias úteis, e dar o comando de venda dos papéis que desejar até às 5h do dia seguinte. Nos fins de semana e feriados, você poderá vender seus títulos em qualquer horário. Em todos os casos, as transações serão executadas utilizando os últimos preços de fechamento de mercado disponíveis. Sua transação será processada no dia útil posterior à ordem de venda, (D+1), quando os recursos oriundos dessa operação serão repassados para a sua instituição financeira. Essa, por sua vez, repassará esses recursos para você dentro do prazo previsto no seu regulamento.

Qual é a Segurança do Tesouro Direto?

A opção do Tesouro Direto tem se tornado popular entre investidores de perfis mais conservadores nos últimos anos. Criado em parceria com a B3, o Tesouro Direto é considerado um investimento muito seguro, pois quem garante a sua remuneração é o Tesouro Nacional, ou seja, o Governo Federal. Mas devemos lembrar que não existe investimento 100% seguro. O que devemos ter em mente com relação aos investimentos é que existem opções mais ou menos seguras, mas nenhuma é absolutamente segura. Podemos dizer então que o Tesouro Direto é mais seguro do que a poupança, que fica depositada em um banco particular. Ao investir no Tesouro Direto, você opta pelo tipo de investimento de menor risco da economia, pois os títulos públicos são 100% garantidos pelo Tesouro Nacional.

Como Funciona a Rentabilidade do Tesouro Direto?

O Tesouro Direto é um programa de investimentos oferecido pelo Governo Federal em parceria com a B3. Com ele, o investidor pessoa física pode adquirir títulos da dívida federal, com risco mínimo e rendimento superior à poupança. Esses títulos podem ser prefixados, com um juro anual definido antes da aplicação, ou pós-fixados, com um juro fixo anual mais a variação de um indexador, como o IPCA ou a Selic.

Como o Tesouro Direto é Tributado?

A maioria dos investimentos de renda fixa têm cobrança de Imposto de Renda. É o caso do Tesouro Direto. A tributação ocorre de forma regressiva, conforme o tempo de aplicação. Confira a tabela:

  • Até 180 dias: 22,5%
  • De 181 a 360 dias: 20%
  • De 361 a 720 dias: 17,5%
  • Acima de 721 dias: 15%

Simuladores de Tesouro Direto Online

Vimos até aqui que a rentabilidade é um dos três principais fatores que devemos analisar ao se comparar investimentos. Usar um simulador de investimento facilita essa tarefa, pois fornece um resultado tangível da rentabilidade, e assim você pode tirar conclusões sobre qual é o investimento mais interessante para sua necessidade. Se você ainda não tem certezas em relação às modalidades de investimento, e às suas opções gerais, o adequado é usar um simulador de investimento.

O simulador de Tesouro Direto é uma ferramenta bastante útil para comparar esta modalidade de investimento com outras que você considera utilizar para fazer que seu dinheiro “trabalhe” por você. Outra situação bastante utilizada pelos adeptos, é simular quanto ganhariam caso deixassem de fazer uma viagem em determinado tempo, ou até mesmo se deixar o dinheiro no Tesouro Direto e optar pelo aluguel de um imóvel, compensa mais do a aquisição do mesmo.

Existem disponíveis na internet diversos simuladores de Tesouro Direto online. Os cálculos de rendimento são feitos de forma instantânea, para iniciar sua simulação, basta preencher os campos pedidos no site. Os mais comuns são: valor da aplicação (quanto tem de dinheiro para começar seu investimento), prazo (tempo que pretende investir), aportes, etc. Confira alguns simuladores de investimento online…