tesouro direto da prejuizo

Barsi Diz que Renda Fixa é Perda Fixa, Você Concorda?

O mega-investidor Luiz Barsi já disse em várias entrevistas que “renda fixa é perda fixa”. Mas o que realmente está por trás desta afirmação? Já vi  muitas interpretações por aí, a maioria delas enviesadas e equivocadas, o que afinal está por trás desta frase tão polêmica e mal entendida?

Em entrevista publicada no portal Infomoney, Luiz Barsi disse:

“Se você anotar todos seus gastos no começo e no final do ano e comparar o aumento com o que a renda fixa lhe paga, vai ver que sempre está perdendo poder aquisitivo. Aplicar na renda fixa rende menos que sua inflação. Renda fixa é perda fixa. Eu aplicava nisso quando dava 20% ao dia. Hoje vejo que a população ficou seduzida pelos retornos daquele período de inflação galopante e juros altos. O governo não incentivou a criação de investidores, criou um bando de agiotas que emprestam dinheiro ao banco e recebem pouco.”

Algumas reações à afirmação do investidor encontradas na internet:

baggins em 1/8/2015 1:22:58
Barsi é um cara genial / Mas acho que ele adora dar umas trolladas nas entrevistas / Ele disse em uma certa vez que a mulher pediu um SUV, aí ele comprou o chinês mais barato 0 estrelas no crash test e deu pra ela, e tava se gabando pq “economizou”. Se isso for verdade, o que eu duvido que é, eu nem sei o que pensar ahahhaa / A conclusão é que pouco se aproveita de tentar seguir esses caras, não dá de jeito nenhum

Bastter em 31/7/2015 12:27:50
pare de ler estas coisas / o dia q vc souber o q o Barsi realmente pensa de verdade / ele ficou pobre

luqteixeira em 31/7/2015 12:29:07
acho que ele foi bem infeliz nessa

Bastter em 31/7/2015 12:31:30
luq ele não foi nada / ninguém sabe o q ele fala ou pensa de verdade / é mais um q o bullshit usa para bullshitar

LordVader em 31/7/2015 15:18:56
O que eu havia interpretado dessa frase era aquele conceito de Equity Bond do Buffet em ações para o longo prazo, de que no longo prazo os dividendos de ações iam pagar mais do que renda fixa.Leia Mais

poupanca

Poupança

O rendimento da poupança antiga no mês de setembro de 2020 foi de 0,50%. Já a poupança nova rendeu 0,12%. Em 2020 a poupança antiga rende 4,59% e a nova 1,76%. Em 12 meses, o ganho da poupança nova é de 2,67% e da antiga de 6,17%.

Em função da baixa taxa de juros da economia atual – A SELIC (taxa básica de juros da economia brasileira) está em 3% ao ano – a poupança tem rendido muito pouco nos últimos meses sendo assim um dos piores investimentos em renda fixa. A tabela abaixo apresenta o rendimento mensal da poupança (nova e antiga) em 2020.

Rendimento Mensal da Poupança em 2020 (%)
Mês Poupança Nova Poupança Antiga
Janeiro 0,26 0,50
Fevereiro 0,26 0,50
Março 0,24 0,50
Abril 0,22 0,50
Maio 0,22 0,50
Junho 0,17 0,50
Julho 0,13 0,50
Agosto 0,13 0,50
Setembro 0,12 0,50
Outubro
Novembro
Dezembro
Acumulado 1,76 4,59

Rendimento Poupança Mensal

No Brasil, a poupança é oferecida pelas instituições financeiras para que os investidores possam aplicar na caderneta de poupança. Dada a sua finalidade, as contas poupança são livres de tarifas bancárias e, conforme determinação do Banco Central do Brasil, devem oferecer serviços similares aos das contas correntes, com exceção dos relativos ao fornecimento e compensação de cheques. Embora sejam serviços bancários distintos, é comum que as contas poupança estejam vinculadas a uma conta corrente na mesma instituição, que podem oferecer facilidades que preveem o resgate automático do saldo da conta poupança para cobrir débitos na conta corrente ou a aplicação automática/programada dos depósitos da conta corrente para a capitalização de juros na caderneta de poupança.

As contas poupança permitem que o capital investido seja resgatado a qualquer momento (liquidez diária) e, por conta dessa característica, algumas instituições bancárias oferecem cartões de débito para essas contas, permitindo que elas sejam utilizadas como contas de depósito.… Leia Mais

tesouro direto da prejuizo

Prejuízo no Tesouro Direto

Pergunta do investidor: Investi dinheiro em Tesouro IPCA. No início meu dinheiro subiu, mas agora está caindo, será que fiz a coisa certa?! Tesouro Direto dá prejuízo?!

Esta é uma questão muito recorrente entre os investidores iniciantes e achei pertinente respondê-la aqui no blog. É comum ao investidor ouvir uma indicação de compra ou mesmo receber uma recomendação de um assessor financeiro e logo em seguida fazer um investimento mas só depois tomar a real consciência da ação tomada. Eu mesmo já fiz isto algumas vezes, e só depois de vermos a conta ficar vermelha é que vamos a fundo nos conceitos que estão por trás daquele ativo financeiro escolhido.

Para explicar porque o investimento do internauta em Tesouro IPCA está no negativo vamos antes explicar alguns conceitos básicos de economia, mas se você já está familiarizado com os termos juros, taxa SELIC e títulos da dívida pública então pode ir direto ao penúltimo tópico deste post.

O Que são Juros?

Antes de responder de fato a questão do internauta, vou recorrer primeiramente a uma das definições de juros mais interessantes que já li e retirada do livro “O Valor do Amanhã” de autoria do filósofo e economista Eduardo Giannetti…

“A vida é breve, os dias se devoram e nossas capacidades são limitadas” Neste contexto, os recursos que podem satisfazer nossos desejos são limitados e não há como satisfazer o desejo de todos ao mesmo tempo. Alguns – os credores – aceitam adiar a realização de seus desejos. Outros – os devedores – escolhem realizar seus desejos agora, importando recursos do futuro, pagando a conta depois. Esta alocação de recursos na linha do tempo gera um prêmio para os credores e um custo para os devedores: os juros.

o valor do amanha
Juros são prêmios para os mais pacientes pois o mercado financeiro nada mais é que uma transferência contínua de valor dos mais aflitos para os mais pacientes

Os juros são, portanto, o prêmio da paciência para quem aceita emprestar agora e viver depois e o custo da impaciência para quem decide viver agora e pagar depois.… Leia Mais

melhores criptomoedas

Melhores Criptomoedas

Neste artigo iremos analisar esta questão da bolha bitcoin e ainda iremos conhecer as criptomoedas mais negociadas no mundo. O bitcoin continua sendo a principal criptomoeda do mercado, mas atualmente existem 23 criptomoedas com capitalização de mercado superior a US$ 1 bilhão, enquanto dois anos atrás apenas o bitcoin havia ultrapassado essa marca.

As moedas virtuais vieram para ficar. Até pouco tempo atrás pouca gente falava a respeito, eram conhecidas apenas por pessoas mais ligadas à área de investimentos e de tecnologia, mas recentemente ganharam grande projeção na mídia e está todo mundo comentando a respeito. Para você ter uma ideia do crescimento do fenômeno, as principais exchanges brasileiras (espécie de corretoras onde é possível negociar criptomoedas) começaram a sofrer forte congestionamento nos seus sistemas depois que uma reportagem foi exibida no Jornal Nacional da Rede Globo. É tanta gente querendo comprar bitcoins que os servidores destas empresas não estão suportando a demanda criada com a coqueluche das criptomoedas. Podemos ter uma ideia melhor deste crescimento de interesse nos bitcoins e outras criptomoedas analisando o gráfico do Google Trends a seguir:

google trends bitcoins

Aumento de interesse pelo bitcoin entre 2017 e 2018 – fonte: Google Trends

As moedas virtuais realmente estão com a bola toda. Um dos novos investidores em criptomoeda e uma espécie de embaixador e representante da empresa SirinLabs é o jogador de futebol Lionel Messi. Ele faz parte da campanha de lançamento de um novo dinheiro digital pela companhia com a qual fez essa parceria, o que não é novidade nesse mercado: diversas outras celebridades já emprestaram sua imagem para dar visibilidade à oferta inicial de outras moedas virtuais.

messi criptomoeda

Messi: Garoto propaganda da SirinLabs 

Messi divulgou sua nova empreitada por meio de sua conta no Instagram, onde escreveu que está “feliz em se juntar como parceiro ao projeto da SirinLabs e seu blockchain”.… Leia Mais

melhores exchanges brasileiras de criptomoedas

Melhores Exchanges Brasileiras de Criptomoedas

As moedas digitais vieram para ficar. Até pouco tempo atrás, pouca gente falava a respeito e as criptomoedas eram conhecidas apenas por pessoas ligadas à área de investimentos e de tecnologia, mas, nos últimos anos, ganharam grande projeção na mídia e está todo mundo falando (bem ou mal) a respeito. O bitcoin continua sendo a principal criptomoeda do mercado, mas existem diversas outras – as chamadas altcoins (moedas alternativas). No último artigo, falamos a respeito das melhores criptomoedas do mercado e neste novo artigo iremos falar das melhores exchanges brasileiras para compra e venda de criptomoedas.

Exchanges são plataformas eletrônicas de negociação acessadas através de sites onde usuários se cadastram para vender e comprar bitcoins e outras moedas digitais. Na maioria das exchanges é necessário preencher um cadastro e enviar documentos pessoais. Mas em algumas, especialmente as de fora do Brasil, não é necessário envio de documentos, porém a segurança pode ser menor. As exchanges não negociam as criptomoedas diretamente, mas possibilitam o contato entre pessoas que querem vender com pessoas que querem comprar.

Em suma, as exchanges conectam pessoas que querem vender a pessoas que desejam comprar criptomoedas e asseguram que os compradores recebam suas criptomoedas e que os vendedores recebam o dinheiro de forma segura e transparente. Obviamente, o valor de negociação não é determinado apenas pela sua vontade. É preciso que você analise como está a movimentação na exchange em que está negociando para que seus valores não fiquem muito acima ou muito abaixo dos demais, pois nesse caso você dificilmente terá sua ordem executada.

A maioria das exchanges exige que o investidor deposite o dinheiro em sua conta de negociação e, só então, faça as transações na moeda virtual de sua preferência. Depois do depósito, o usuário pode converter seus reais, dólares, etc.… Leia Mais

financiamento de imovel

Habitação Foi o Melhor Investimento do Mundo nos Últimos 150 Anos!

Já sabemos que brasileiro tem predileção para investimentos em imóveis. É a forma de investimento preferida por aqui. Mas será que esta classe de ativo tem bom rendimento ao longo dos anos? E se compararmos com outras formas de investimento como ações? Será que é melhor? Um estudo de economistas renomados nos trouxe estas respostas. Confira!

A rentabilidade de investimento em ativos ocupa um lugar especial na história do pensamento econômico. De John Stuart Mill a Karl Marx, os pensadores mais influentes dedicaram grande parte de seu tempo ao estudo de lucros. Hoje, a taxa de retorno sobre o capital desempenha um papel fundamental na formação dos atuais debates macroeconômicos. Os retornos de ativos encapsulam características fundamentais sobre a dinâmica de uma economia, como atitudes em relação a riscos e preferências em relação ao retorno esperado.

Melhor Investimento do Mundo nos Últimos 150 Anos

Ações trarão altos para os investidores, mas de tempos em tempos trarão também algum tipo de susto. Títulos do tesouro o manterão seguro, mas não o farão rico. Imóveis? Esse é o melhor dos dois mundos. Nos países ricos, no longo prazo, os investimentos imobiliários geram retornos semelhantes às ações, além de proporcionar a baixa volatilidade dos títulos.

Este é o argumento do estudo “The Rate of Return on Everything, 1870–2015” dos economistas da Universidade da Califórnia-Davis, da Universidade de Bonn, e do Deutsche Bundesbank. Através de uma coleta de dados histórica, os pesquisadores reuniram os retornos anuais de títulos do tesouro, ações e moradias residenciais de 1870 a 2015 para 16 países ricos, como EUA, Alemanha e Japão.

Eles concluíram que, no país rico médio, o retorno anual da habitação durante esse período foi de 7,05% quando ajustado pela inflação, enquanto o retorno sobre as ações foi de 6,89%. Ao mesmo tempo, o risco associado à moradia foi bem menor: a habitação tem cerca da metade do risco das ações e é um pouco menos arriscada do que os títulos.… Leia Mais

onde investir a reserva de emergencia

Dicas Para Economizar com as Finanças Domésticas

É difícil manter as finanças domésticas organizadas, mas não é impossível. Ao juntar aqui e ali, ter um pouco de disciplina e uma ajudinha da tecnologia, o hábito de poupar vai fazer parte do dia a dia, facilitando o gerenciamento das suas finanças.

A importância de economizar é evidente, ainda mais se levarmos em conta os elevados índices de endividamento nos dias de hoje, mostrando que boa parte dos brasileiros vive no aperto por causa das dívidas que teimam em acumular.

O ato de economizar traz benefícios até para a saúde, pois com as finanças em dia e devidamente controladas, o estresse é menor. Além de que, sem as preocupações financeiras, fica mais fácil garantir boas noites de sono.

Diante de tudo isso, é importante seguir algumas dicas que facilitam poupar os seus lucros. Todas elas são uma questão de hábito e disciplina. Logo, se você aplicá-las na sua vida diária, vai gerenciar com mais tranquilidades as suas finanças. Aprenda mais sobre elas a seguir.

Determine um valor máximo para ser gasto

Esse valor pode ser definido por você durante a semana, ou se preferir durante o mês. Independente dos prazos estipulados, o importante é manter o foco para não superar o valor máximo estabelecido.

A melhor maneira para aplicar essa dica é separar em uma lista quais são os gastos essenciais no dia a dia e quais os desnecessários.

Boletos em geral, alimentação, aluguel e transporte devem estar na lista dos essenciais. Faça alguns cálculos e veja qual é o valor máximo que você poderá gastar com eles.

As vantagens dessa ação permite a criação de reservas para situações emergenciais, bem como uma maior disciplina mostra a importância de manter o cartão de crédito no bolso em determinadas situações.

Ademais, essa postura, mais disciplinada, resulta em um incentivo extra para consumir de forma responsável e sem excessos.… Leia Mais

bolsa de valores

Simulador de Bolsa de Valores

A taxa de juros básica da economia (SELIC) em valores históricos cada vez mais baixos tem despertado maior interesse pela Bolsa de Valores. Relatórios divulgados pela B3 mostram que o número de pessoas físicas tem crescido a cada mês na bolsa. Para os iniciantes – pessoas que nunca operaram na bolsa – uma ferramenta muito útil é o “Simulador de Bolsa de Valores”. Através de um simulador é possível “treinar” operações como se você estivesse operando numa plataforma real de negociação (home broker), comprando e vendendo ações, por exemplo. A diferença do simulador para uma plataforma real é que usa-se um dinheiro fictício, para que você possa se familiarizar com o ambiente e as ferramentas da renda variável antes de colocar em jogo o seu próprio dinheiro.

Um Simulador de Bolsa de Valores é um sistema computacional que lhe permite criar uma conta operacional para comprar e vender ativos em modo simulado. Tudo acontece como se você estivesse negociando ações reais no pregão da bolsa de valores, mas não há dinheiro real envolvido nas transações. O objetivo é que você aprenda a investir e a operar com números reais do mercado, sem risco de perda do seu dinheiro. É uma excelente maneira para entrar na bolsa de valores, principalmente para quem está inseguro por falta de experiência ou medo de perder dinheiro.

O Simulador de Bolsa de Valores geralmente é usado por pessoas que nunca tiveram contato com o mercado financeiro de renda varável, ou por aquelas que já fizeram algum curso mas querem treinar antes de fazer operações reais em uma corretora, ou até mesmo por pessoas experientes que necessitam testar outras estratégias de negociação antes de usá-las no mercado real. Enfim, seja qual for o seu nível de conhecimento sobre o mercado, um simulador poderá ser muito útil para você.… Leia Mais

Simulador de Aposentadoria

As novas regras para a aposentadoria começam a valer a partir de hoje (12/11/19). Com a promulgação da Nova Previdência em cerimônia no Congresso Nacional, todas as mudanças aprovadas na Emenda Constitucional entram em vigor. A partir da promulgação, todas as regras da Nova Previdência, salvo previsão expressa em contrário, passam a ter vigência imediata. Isso significa que todas as pessoas que se aposentarem de hoje em diante já terão o valor do benefício calculado pela nova metodologia. Só não estará sujeitos às novas regras quem cumprir os requisitos mínimos de aposentadoria antes da data da publicação da reforma da Previdência.

Hoje é possível se aposentar de duas formas: por idade ou por tempo de contribuição. A idade mínima para se aposentar é de 60 anos para mulheres e 65 anos para homens , com um tempo mínimo de contribuição de 15 anos. Também é possível se aposentar com menos da idade mínima. Nesse caso, a aposentadoria é por tempo de contribuição. O tempo de contribuição é de 30 anos para mulheres e 35 anos para homens. Com a Reforma, a aposentadoria por tempo de contribuição será extinta.

A principal medida da reforma da Previdência é a fixação da idade mínima de 62 anos para mulheres e 65 anos para homens. A Reforma determina também o valor da aposentadoria a partir da média de todos os salários em vez de permitir a exclusão das 20% menores contribuições como era anteriormente. A aposentadoria será de 60% do valor recebido com o mínimo de 15 anos de contribuição. Cada ano a mais de trabalho eleva a aposentadoria em dois pontos percentuais, chegando a 100% para mulheres com 35 anos de contribuição e 40 anos para homens.

Aposentadoria de Trabalhadores Privados

  • Idade mínima de 62 anos para mulheres e 65 anos para homens.
Leia Mais
poupanca

Simulador de Tesouro Direto

Investir seu dinheiro é a forma mais inteligente de para atingir seus sonhos. Porém não é uma atividade simples. Cada investimento tem suas peculiaridades e para escolher a melhor opção é preciso conhecer como se comporta cada classe de ativo. Uma das modalidades de investimento mais seguras hoje em dia é o Tesouro Direto. Além da segurança, o Tesouro Direto apresenta rentabilidade melhor que a da poupança. Não está familiarizado com estes temos? Neste artigo iremos deixar tudo claro para você. Além disto, iremos apresentar o conceito de simulador de Tesouro Direto que é fundamental para você planejar seus investimentos ao longo do tempo.

Para atingir a tão sonhada independência financeira, a vida confortável que você sempre quis, não há outra alternativa senão poupar. Se você gasta tudo que recebe, não tem nenhuma reserva para o futuro, algum evento inesperado que demande uma grande quantia de dinheiro pode lhe deixar em apuros. Portanto, comece a economizar e poupar o quanto antes. Várias características devem ser observadas ao escolher um bom investimento. Basicamente, devem ser observados três aspectos principais:

  1. Liquidez;
  2. Segurança;
  3. Rentabilidade.

A liquidez diz respeito à capacidade que o investimento tem de converter-se em dinheiro. Quanto maior a liquidez, mais fácil e rápido você pode reaver seu dinheiro. Por sua vez, a segurança de um investimento reside no baixo risco de perdas. Nem todos os investimentos oferecem baixo risco, alguns são mais arriscados que outros. Por fim, a rentabilidade é a quantidade de dinheiro que a sua aplicação efetivamente renderá, após esgotado o prazo contratado e descontados os impostos.

Como é a Liquidez do Tesouro Direto?

Atendendo aos anseios dos investidores e agentes participantes, o Tesouro Direto implementou a recompra diária para os títulos públicos negociados nesse Programa. Com essa nova regra, você poderá vender os seus títulos para o Tesouro Nacional todos os dias, sem dor de cabeça, o que significa muito mais conveniência e flexibilidade para você.… Leia Mais

poupanca

Simulador de Poupança

Investir seu dinheiro é a forma mais inteligente de para atingir seus sonhos. Porém não é uma atividade simples. Cada investimento tem suas peculiaridades e para escolher a melhor opção é preciso conhecer como se comporta cada classe de ativo. Uma das modalidades de investimento mais conhecidas pelo brasileiro é a caderneta de poupança. De acordo com a Fecomércio, 85% dos brasileiros investem nessa modalidade. A poupança apresenta baixa rentabilidade porém alta segurança e liquidez. Não está familiarizado com estes temos? Neste artigo iremos deixar tudo claro para você. Além disto, iremos apresentar o conceito de simulador de poupança que é fundamental para você planejar seus investimentos ao longo do tempo.

Para atingir a tão sonhada independência financeira, a vida confortável que você sempre quis, não há outra alternativa senão poupar. Se você gasta tudo que recebe, não tem nenhuma reserva para o futuro, algum evento inesperado que demande uma grande quantia de dinheiro pode lhe deixar em apuros. Portanto, comece a economizar e poupar o quanto antes. Várias características devem ser observadas ao escolher um bom investimento. Basicamente, devem ser observados três aspectos principais:

  1. Liquidez;
  2. Segurança;
  3. Rentabilidade.

A liquidez diz respeito à capacidade que o investimento tem de converter-se em dinheiro. Quanto maior a liquidez, mais fácil e rápido você pode reaver seu dinheiro. Por sua vez, a segurança de um investimento reside no baixo risco de perdas. Nem todos os investimentos oferecem baixo risco, alguns são mais arriscados que outros. Por fim, a rentabilidade é a quantidade de dinheiro que a sua aplicação efetivamente renderá, após esgotado o prazo contratado e descontados os impostos.

Como é a Liquidez da Poupança?

Dizemos que um investimento tem alta liquidez quando conseguimos resgatá-lo a qualquer momento, ou seja, tem liquidez diária, recebendo o dinheiro imediatamente ou em poucos dias.… Leia Mais

investidores na bolsa

Como Investir em Renda Variável?

No mês passado, a B3 registrou mais de 1,3 milhão de cadastros de investidores pessoas físicas em ações, o que representa um crescimento de mais de 550 mil contas desde o começo do ano. Segundo a B3, o crescimento está surpreendendo, com uma média de quase 100 mil contas novas por mês. Esse movimento de maior interesse dos investidores acompanha a queda dos juros e a melhora das perspectivas para a economia. 

O aumento advém não só de mais pessoas que investem em ações, mas, principalmente, da saída de estrangeiros. O estrangeiro tem saído desde a segunda metade de 2018, que foi o primeiro ano que tivemos mais saída de fluxo do exterior do que entrada, devido a uma grande incerteza com as eleições.

O investidor brasileiro tem procurado agora investimentos com maior possibilidade de rentabilidade e por isto está tomando risco. Na medida que a taxa básica de juros da economia (SELIC) tem caído a níveis históricos cada vez mais baixos, as opções de investimentos em renda fixa como títulos públicos e CDBs ficam cada vez menos atrativas.

A Explosão dos FIIs

Se as ações são o tipo de investimento de renda variável mais conhecido pelas pessoas, os FIIs (fundos de investimento imobiliário) é que estão roubando a cena nesta retomada da bolsa brasileira. A categoria de investimentos que mais cresce no Brasil segue apresentando números excelentes. Confira no gráfico abaixo a evolução dos investidores de FIIs até o mês de julho de 2019:

investidores fiis

Evolução dos investidores de FIIs – Fonte: Boletim B3

Além do maior apetite ao risco do investidor, o atual momento do ciclo imobiliário também é outro fator que está atraindo investidores para os FIIs, isso porque já é possível constatar um reaquecimento do setor imobiliário, num contexto mais amplo. Confira no gráfico abaixo a evolução dos índices IFIX, IMOB e IBOVESPA…

rentabilidade renda variavel

Comprativo de rentabilidade dos índices – Fonte: Boletim B3

Como os Investidores Estão Investindo?

Leia Mais
bolsa de valores

Maiores Altas e Quedas da Bolsa de Valores nos Últimos 12 Meses

Neste exato momento (11:23), o IBOV –  principal índice da bolsa brasileira – opera na máxima do dia aos 107.950 pontos quebrando assim mais um recorde histórico. No pregão anterior, o índice já tinha quebrado mais um recorde ao fechar o pregão com 107.381 pontos na expectativa da aprovação da reforma da previdência no Senado. Não só a aprovação da reforma impulsiona a bolsa de valores nos últimos dias. No cenário externo, a guerra comercial entre EUA e China perdeu boa parte de sua intensidade, com as partes mostrando-se mais propensas ao diálogo.

A aprovação da Reforma da Previdência foi aguardada com atenção pelos agentes de mercado por dois motivos: por um lado, há o fechamento desse capítulo e a formalização do montante a ser economizado com as novas regras; por outro, abre-se caminho para que outras pautas prioritárias — como as reformas administrativa e tributária — sejam discutidas no Congresso. Contudo, pode-se dizer que a aprovação final pelo mercado já estava precificada e o mercado agora mira nas próximas reformas.

Nos últimos 12 meses, dezenas de papéis entre ações e FIIs tiveram altas significativas, alguns superando os 200% de rendimento como pode ser visualizado na tabela ao final do artigo. Com a eleição do presidente Jair Bolsonaro, que trouxe consigo uma equipe econômica platina e comandada por Paulo Guedes, o mercado comprou a ideia de um governo liberal e pró-reformista. Porém, a alta verificada nestes últimos meses é apenas uma parte de um ciclo mais amplo que teve início no começo de 2016 como pode ser visto no gráfico abaixo:

maiores altas bolsa valores

Ou seja, estamos agora no pico de uma onda de alta que já dura quase 4 anos. Alguns analistas dizem que isto é apenas o início de um ciclo econômico de retomada que poderá durar mais alguns anos, desde que as reformas sendo implementadas realmente resolvam o problema fiscal brasileiro.… Leia Mais

indice financeiro

Simulador de Investimento

Investir seu dinheiro é a forma mais inteligente de conseguir realizar seus sonhos. Porém não é uma atividade trivial. Cada investimento tem suas particularidades e para escolher a melhor opção é preciso conhecer como se comporta cada modalidade. Uma métrica muito importante para se avaliar a característica de um investimento é a rentabilidade. Não deve ser considerada “a mais importante” pois, no geral, quanto maior a rentabilidade de um investimento maior o seu risco, ou seja, a probabilidade de perder dinheiro. Mas a rentabilidade é, sem dúvida, uma das características que deve ser avaliada ao comparar diversos investimentos. Uma maneira simples e precisa de analisar a rentabilidade de um investimento é por meio de um simulador de investimento. Essa ferramenta virtual, que pode ser encontrada em sites e apps, efetua o cálculo da rentabilidade com base nos seguintes elementos.

Várias características devem ser observadas ao escolher um bom investimento. Basicamente, devem ser observados três aspectos principais:

  1. Liquidez;
  2. Segurança;
  3. Rentabilidade.

A liquidez diz respeito à capacidade que o investimento tem de converter-se em dinheiro. Quanto maior a liquidez, mais fácil e rápido você pode reaver seu dinheiro. Há investimentos que não podem ser resgatados com facilidade antes da data do vencimento, ou que trazem perdas financeiras se forem resgatados em curto prazo. Nesse caso, diz-se que ele é um investimento de baixa liquidez. Imóvel por exemplo tem baixa liquidez (difícil vender) e poupança tem alta liquidez (fácil sacar). Por sua vez, a segurança de um investimento reside no baixo risco de perdas. Nem todos os investimentos oferecem baixo risco, alguns são mais arriscados que outros. Ações negociadas em bolsa de valores costumam apresentar alto rendimento mas em contra partida apresentam maior risco de investimento. Por fim, a rentabilidade é a quantidade de dinheiro que a sua aplicação efetivamente renderá, após esgotado o prazo contratado e descontados os impostos.… Leia Mais

Trópico Value FIA

A estratégia do Trópico Value FIA é investir em empresas de capital aberto, listadas em bolsa de valores, que possuam estratégia robusta e alinhamento de longo prazo entre todos os acionistas. Tem como público-alvo investidores de forma geral que buscam retornos de longo prazo descorrelacionados dos índices de mercado, através de uma filosofia de investimento clara de Value Investing.

Nome do Fundo: TROPICO VALUE FUNDO DE INVESTIMENTO DE AÇÕES

Classe: Fundo de Ações
Início: 05/07/2005
Patrimônio: R$ 23,1 mi

tropico value fia

Evolução ano-a-ano com as sete principais posições acionárias do fundo. Dados colhidos no mês de maio de cada ano. Entre 2010 e 2015 não encontramos a carteira no site da CVM, consta aplicação no TROPICO VALUE MASTER FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES. Fonte: CVM

Leia Mais
onde investir a reserva de emergencia

Onde Investir a Reserva de Emergência?

Reserva de emergência financeira ou colchão de segurança financeiro nada mais é do que uma provisão financeira alocada em investimento conservador, de baixo risco e de alta liquidez, que lhe permita resolver problemas financeiros imprevistos sem depender do salário, nem recorrer a empréstimos. O conceito mais importante no que diz respeito à reserva de emergência é a alta liquidez, isto é, a velocidade e facilidade com a qual um ativo pode ser convertido em caixa. Contudo, a liquidez possui duas dimensões: facilidade de conversão versus perda de valor. Qualquer ativo pode ser convertido em caixa rapidamente, desde que se reduza suficientemente o preço. Dito isto, o objetivo deste artigo é elencar opções de investimento para que você possa alocar sua reserva de emergência tendo em vista uma alta liquidez sem perda de valor no tempo investido e no ato do saque.

Um consenso entre educadores financeiros é que todo cidadão precisa ter uma reserva de emergência financeira. O que não é consenso diz respeito ao tamanho desta reserva e ao produto financeiro em que esta reserva deve estar alocada. Em se tratando do tamanho da reserva, podemos dizer que irá variar de acordo com a natureza da renda ativa que a pessoa possui. Por exemplo, microempresários precisarão ter uma reserva financeira maior do que funcionários públicos concursados. Em outras palavras, quando mais incerta é a renda ativa da pessoa, maior deverá ser a reserva de emergência. Estamos falando aqui de tamanho relativo e não absoluto, isto é, a reserva de emergência deve ser formada tendo em vista o gasto médio mensal da pessoa. Alguns exemplos:

  • Um microempresário que possui uma gasto fixo mensal médio de 10 mil reais deverá ter uma reserva de 24 meses de gastos, isto é, 24o mil reais.
  • Um funcionário público que possui uma gasto fixo mensal médio de 15 mil reais deverá ter uma reserva de 12 meses de gastos, isto é, 180 mil reais.
Leia Mais
melhores acoes da bolsa

Ações que os Investidores Estão Comprando na Bolsa

O educador financeiro Thiago Nigro, mais conhecido como “O Primo Rico”, recentemente postou uma pergunta aos seus seguidores do Twitter: “Qual a última ação que você comprou na bolsa?” Enquetes como esta são interessantes para “sentir” o que os pequenos investidores estão fazendo no mercado financeiro. Claro que é uma amostra muito reduzida da população de pequenos investidores do país, mas achei oportuno fazer a contabilização das respostas para conhecer as ações preferidas do público neste momento da bolsa.

Não por acaso, o maior número de votos foi para a “ação do momento” da bolsa de valores: BIDI (Banco Inter). Este papel tem subido tando que já está sendo considerado a bolha BIDIcoin, será mesmo?! Em seguida vem a holding Itausa (ITSA) que continua muito querida pelos pequenos investidores mesmo com a proliferação dos bancos digitais que ameaçam o reinado de bancões como o Itaú. Em terceiro lugar vem a platinada Magalu (MGLU) que dispensa maiores comentários. Empatadas no quarto lugar aparecem as polêmicas OIBR e VVAR. Esta última já vem dando bons lucros para os investidores que resolveram assumir os riscos, mas a OI continua dando dor de cabeça para os investidores mais arrojados.

Ação Votos
BIDI 21
ITSA 17
MGLU 13
OIBR 8
VVAR 8
SUZB 7
JHSF 6
ABEV 4
KLBN 4
MDIA 4
NEOE 4
PMAM 4
WIZS 4
B3SA 3
BPAC 3
ENBR 3
GRND 3
SLCE 3
SQIA 3
TRIS 3
VALE 3
VLID 3
WEGE 3
FLRY 2
GGBR 2
ODPV 2
PETR 2
PRIO 2
AMAR 1
ANIM 1
BBAS 1
BBDC 1
BPAN 1
BRKM 1
CGAS 1
CMIG 1
CSAN 1
CSNA 1
CVCB 1
ETER 1
EZTC 1
FESA 1
GBIO 1
GOAU 1
HAPV 1
HBOR 1
INEP 1
JBSS 1
JPSA 1
JSLG 1
Krot 1
LCAM 1
LEVE 1
LOGG 1
LOGN 1
MFRG 1
MOVI 1
PSSA 1
RAIL 1
RDNI 1
RLOG 1
SEER 1
SGPS 1
TECN 1
TIET 1
TPIS 1
TRPL 1
VRTA 1
VULC 1
WLMM 1
XPML 1

Atenção: Este site não faz recomendações e este post não passa de uma contabilização desprovida de qualquer sentido quantitativo que possa lhe servir de indicativo para investimento.Leia Mais

Alaska Black Master Fundo de Investimento em Ações

Nome do Fundo: ALASKA BLACK MASTER FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES – BDR NÍVEL I

Classe: Fundo de Ações
Início: 17/09/2010
Patrimônio: R$ 3,6 bi

alaska black master fundo de investimento em acoes

Evolução ano-a-ano com as sete principais posições acionárias da carteira. Dados colhidos no mês de abril de cada ano. Fonte: CVM

Alaska Black FIC FIA BDR Nível I

É um fundo de ações destinado a investidores qualificados. Investe no mínimo 67% do seu patrimônio em ações, com limite de exposição de 100%  e tem a possibilidade de investir em BDRs. O fundo também pode atuar nos mercados de juros, moedas e índices. Administrado pelo BTG Pactual, o fundo tem como benchmark o IPCA + 6% a.a.. É recomendado para clientes com horizonte de investimento de longuíssimo prazo. O fundo compra cotas do Alaska Black Master FIA.

Investimento Inicial: R$ 5.000,00
Cota de Aplicação: D+1 (útil)
Cota de Resgate: D+30 (corridos)
Pagamento: D+2 (úteis) após cotização
Resgate Antecipado: 5% de multa sobre a cota de resgate
Cota de Resgate Antecipado: D+1 (útil)
Pagamento de Resgate Antecipado: D+4 (úteis) após a cotização
Imposto de Renda: Alíquota de 15% sobre o ganho líquido, descontada do valor do pagamento, já deduzidas as taxas de administração e performance
Perfil de Risco: Agressivo

Alaska Black FIC FIA II BDR Nível I

É um fundo de ações destinado ao público em geral. O fundo investe no mínimo 67% do seu patrimônio em ações (incluindo BDRs), com limite de exposição de 100% e tem a possibilidade de investir em BDRs. O fundo também pode atuar nos mercados de juros, moedas, índices. Administrado pelo BTG Pactual, o fundo tem como benchmark o Ibovespa. É recomendado para clientes com horizonte de investimento de longuíssimo prazo. O fundo compra cotas do Alaska Black Master FIA.

Investimento Inicial: R$ 1.000,00
Limite Máximo de Investimento: R$ 250.000,00
Cota de Aplicação: D+1 (útil)
Cota de Resgate: D+30 (corridos)
Pagamento: D+2 (úteis) após cotização
Resgate Antecipado: 5% de multa sobre a cota de resgate
Cota de Resgate Antecipado: D+1 (útil)
Pagamento de Resgate Antecipado: D+4 (úteis) após a cotização
Imposto de Renda: Alíquota de 15% sobre o ganho líquido, descontada do valor do pagamento, já deduzidas as taxas de administração e performance
Perfil de Risco: Agressivo

Fonte: Alaska Asset Management

Leia Mais

Alaska Poland Fundo de Investimento de Ações Bdr Nível 1

Nome do Fundo: ALASKA POLAND FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES – BDR NIVEL 1

Classe: Fundo de Ações
Início: 01/08/2003
Patrimônio: R$ 3,2 bi

alaska poland

Evolução ano-a-ano com as três principais posições acionárias da carteira. Dados colhidos no mês de dezembro de cada ano. Fonte: CVM

Leia Mais