Atualmente, o ramo jurídico empresarial está em constante crescimento, o que antigamente era um luxo para grandes empresas, agora é necessário para todo bom empreendedor, investir em um negócio demanda tempo e conhecimento, mas é impossível apenas uma pessoa consiga lidar com todas as questões burocráticas da empresa e tenha tempo para administrar o negócio. 

É aí que a equipe jurídica vai entrar, todas as questões necessárias para que o seu empreendimento não possua alguma irregularidade na lei, todas as questões de seus investimentos, formalização de contratos. contratação de funcionários, licenças de funcionamentos e outras coisas podem ser as responsabilidades da sua equipe jurídica. 

O que é o sistema de parceria jurídica para empresas

O erro de todo empreendedor não experiente ou não preparado é procurar a ajuda jurídica após presenciar um problema, quando na verdade o correto é já estar preparado para essas ocasiões e evitar o problema de existir. 

Essa parceria faz com que os profissionais jurídicos estudem e entendam os movimentos da empresa, para identificar possíveis problemas no meio do negócio, além de começar cedo o combate contra a desavença, eles estarão alertas para possíveis problemas em seu futuro. Da mesma maneira que os jogadores de futebol precisam de um treinador para montar um esquema de jogo, um empreendedor precisa de profissionais da advocacia para cuidar e proteger a sua empresa de problemas jurídicos. 

Importância da parceria jurídica empresarial

Se um empreendedor visa o seu crescimento no mercado, é necessário que ele possua amplo conhecimento sobre a sua parceria jurídica. Ao contrário de muitos, ele não deve ver isso como mais um gasto de suas verbas mensais, mas sim como um grande investimento, levando em consideração que ao fazer esse gasto você estará “blindado” contra todos os problemas que a lei pode trazer a sua empresa, seu negócio poderá prosperar sem ter medo de que algo aconteça por baixo do tapete. 

Existem alguns exemplos de como os advogados iram atuar na sua empresa, são eles: 

  • Contratação e demissão de funcionário;
  • Monitoramento do cumprimento da CLT;
  • Elaboração de contratos com fornecedores;
  • Recuperação do crédito;
  • Planejamento sucessório, etc.

As 5 vantagens da parceria 

Segurança para os negócios: 

Com o auxílio de um advogado, o empreendedor terá a segurança e garantia necessária para começar um novo investimento ser temer o Poder Judicial, caso ocorra alguma desavença, ele estará preparado para defender sua empresa e garantir que tudo se mantenha na normalidade. 

O advogado deve acompanhar o empreendedor na produção de contratos e tirar possíveis dúvidas referentes a legalidade de determinadas disposições. Colocando essa prática no exemplo de uma suposta demissão, o empreendedor tem a sua disposição uma equipe de advogados para lhe auxiliar no processo e direcioná-lo para as decisões que o patrão deverá tomar. Essas ações geram uma segurança para o empreendedor, fazendo assim que ele procure mais espaços no negócio e investimentos maiores. 

Equipe especializada em diversas áreas do direito: 

Imagine que um escritório de advocacia é como uma caixa de ferramentas de um mecânico, ele possui todos os tipos de ferramentas para cada momento diferente de seu trabalho, ele tem todas as peças de que precisa à sua disposição sempre que for necessário. o escritório não fica muito longe disso. Para que sua empresa tenha a segurança de crescer, um bom empreendedor deve contar com a assistência de advogados especialistas em diversos segmentos, como trabalhista, empresarial, tributário, contratual, consumerista e muitos outros. 

Cada um deles será o responsável pelas áreas determinadas pelo empreendedor, uma equipe diversificada é o mais recomendado, pois apenas especialistas em um assunto apesar de terem o conhecimento geral, podem não ter as experiências tão precisas como outros que já atuam na área a muito tempo, então quanto mais especialistas em diferentes segmentos, melhor será. 

Maior planejamento: 

A primeira coisa a se pensar antes de começar um negócio, o seu planejamento, a organização ajuda o empreendedor a prever os lucros e as despesas com empregados, mercadorias, impostos e a pensar em estratégias para aperfeiçoar a sua produção. É aí que os advogados entram, pensando na ideia de criar um negócio legal com suas regularizações, o empreendedor e sua equipe jurídica pensam sobre quais planos adotar considerando a situação da empresa.

Um empreendedor despreparado pode começar a sofrer muito mais do que o esperado muito mais rápido, ele pode tomar decisões equivocadas e colocar a vida da empresa em risco mesmo antes da própria começar a tomar forma de peixe grande.

Defesas judiciais: 

Mesmo com todos os cuidados que a sua equipe irá tomar, é praticamente impossível que sua empresa não precise de defesa em um tribunal em algum momento da história de seu negócio, e nesse momento a sua assessoria jurídica será mais do que nunca fundamental.

Os advogados responsáveis deverão estudar o caso cautelosamente para entender o que aconteceu e como o problema passou despercebido por eles anteriormente, assim elaborando os argumentos e peças necessárias para a defesa do cliente no tribunal. Caso sua defesa seja falha e não consiga livrar a empresa das consequências apresentadas pelo Poder Judiciário, o empreendedor possivelmente irá arcar com sua condenação e cairá perante a uma onda de danos ao seu negócio.

Por isso não se deve pensar com o bolso na hora de escolher qual advocacia sua empresa irá se associar, caso não seja uma das melhores, esses casos terão uma maior chance de acabar com o seu negócio, então não economize e procure contratar os melhores que sua empresa pode arcar com os custos, como já foi dito por muitos: prevenção nunca é demais. 

Redução de custos:

Levando em consideração o exemplo que foi anteriormente citado, caso sua empresa esteja em uma enrascada ou já possua um histórico ruim com normas tributárias ou trabalhistas, contratar advogados para a sua defesa pode custar muito caro e isso faz dela uma empresa bomba, pronta para explodir e entrar em colapso a qualquer momento, por isso contar com uma equipe jurídica pode ser muito mais barato do que procurar advocacias em momentos de extrema necessidade. 

Pense nisso como um plano de saúde, coloque na balança e reflita sobre o que seria mais vantajoso para você, pagar mensalmente um valor para a sua seguradora e sempre ter acesso ao hospital ou contar apenas com hospitais públicos e sempre pagar caro na necessidade de exames particulares, é a mesma ideia da equipe jurídica, eles sempre estarão lá para você e sua empresa. Além de que a falta de um profissional pode gerar muitas multas, gerando assim mais gastos para o empreendedor.

Como já foi dito anteriormente, esse gasto mensal deve ser visto como um investimento e não como perda de renda, nunca se sabe quando você pode precisar de um advogado defendendo os seus direitos em um tribunal.

Conclusão: 

Pode-se concluir que, a equipe jurídica pode agregar muito mais a sua empresa do que você imagina, eles serão seus olhos, ouvidos, braços e pernas em questões judiciais e podem muito bem salvar o seu negócio em um dia menos esperado, por isso procure sempre os melhores sem ter medo dos gastos, afinal é sempre bom ter os melhores a sua disposição.

A empresa Torres & Ramon é um ótimo exemplo, eles possuem diversos especialistas para diferentes segmentos, prontos para atuar sempre que necessário. Para que o seu negócio seja o melhor, deve-se ter os melhores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.